Diálogo dos Capítulos/Conclusão

From Meta, a Wikimedia project coordination wiki
Jump to navigation Jump to search
This page is a translated version of the page Chapters Dialogue/Conclusion and the translation is 100% complete.
Other languages:
Deutsch • ‎English • ‎español • ‎français • ‎português do Brasil • ‎български • ‎русский • ‎العربية • ‎தமிழ் • ‎ไทย • ‎中文 • ‎日本語
Diálogo dos Capítulos

Chapters Dialogue Header.jpg

Conclusão: Perguntas difíceis

Todos os conflitos que estão descritos neste relatório são baseados em causas que estão profundamente enraizadas e que não foram abordadas até agora. Nenhum desses conflitos podem ser vista de forma isolada e nenhuma solução simples pode ser desenvolvida sem uma compreensão profunda e conversas francas sobre as causas, em primeiro lugar.

Para permitir que o movimento trate completamente essas questões, deve-se dar um passo atrás e reconsiderar. Qualquer outra coisa seria novamente apenas fazer um curativo para os sintomas, e o movimento iria encontrar-se confrontados com os mesmos problemas de novo e de novo.

O Diálogo dos capítulos considera que seria altamente irresponsável sugerir soluções para qualquer um dos problemas descritos. Em vez disso, destilamos as perguntas difíceis a partir das ideias que precisam ser abordadas com urgência e responder de uma forma aberta e abrangente:

  1. O que nós, como um movimento queremos alcançar? Será que ter um site ou aderir ao Conhecimento Livre? Por que estamos fazendo as coisas que fazemos e para quê?
  2. Como definimos impacto ao explorar um novo território? E como podemos medir o sucesso?
  3. Qual é o papel da Fundação Wikimedia?
  4. Como queremos nos comunicar uns com os outros? Como podemos construir a empatia necessária e aprender uns com os outros? Como podemos superar a velha narrativa e percepções?
  5. De onde vem o dinheiro e para onde ele deve ir? O dinheiro deve ser o fator limitante quando se esforçando para o Conhecimento Livre?
  6. Qual estrutura de movimento é o mais adequado para cumprir a missão da Wikimedia?

A forma atual como as coisas estão no presente inibe o movimento de lutar de forma eficaz para o Conhecimento Livre. Em vez de usar todo o seu potencial para continuar sua missão, apenas roda em torno de si mesma. A missão comum está em sério risco se o movimento não atacar as causas de seus problemas.

Queixar-se é fácil, encontrar soluções é difícil. As perguntas difíceis só podem ser abordadas de uma forma estruturada e profissional, com dedicação e empenho. Não há nenhum ponto em mexer com os sintomas e encontrar soluções para um único problema.

As entrevistas realizadas para o Diálogo dos Capítulos foram uma maneira segura de trazer as conversas críticas e rumores para a superfície. Os insights agora apontam claramente para o elefante na sala. Eles fornecem uma visão abrangente; um que nós nunca tivemos antes. O Diálogo dos capítulos não apresenta soluções simples, mas apresenta uma recomendação. Essas ideias precisam ser a base para construção e uma sequência precisa ser iniciada.

Design de uma estrutura

Precisamos refletir sobre o que fas com que o movimento seja bem sucedido até agora. O que levamos conosco e o que vamos deixar para trás? Imagine um movimento que é construído na confiança, que está unido e que é capaz de conduzir um diálogo aberto. Um movimento com clareza sobre o seu impacto e papéis, bem como a estabilidade de lutar para mudar o mundo. Uma Wikimedia que equilibra independência e obrigações compromissadas.

Uma mudança de perspectivas é essencial para superar as percepções e narrativas antigas que ainda estão gravadas na memória Wikimedia. Apenas uma compreensão profunda pode fornecer a base para a mudança.

Como resultado do Diálogo dos Capítulos, recomendamos o início de um projeto que tem por base esses insights e leva a experiência de outros movimentos e organizações em conta. O próximo passo deve ser a criação de uma estrutura para o movimento Wikimedia dentro da qual ela pode trabalhar com força e eficácia para a sua missão de uma forma profissional, no entanto, mantendo-se fiel às suas bases e mantendo sua diversidade.

A sequência visa coordenar estreitamente com o Conselho de Curadores o e Diretor Executivo da WFM, e à adoção de uma abordagem participativa e culturalmente apropriada. Isso leva à concepção de um conjunto de recomendações específicas para a ação. Ao aderir a um desenvolvimento iterativo e um processo de implementação ágil, esta abordagem irá garantir o envolvimento e participação dos principais jogadores do movimento. Trabalhar com projetos-piloto impede o movimento da estagnação e pode mostrar os primeiros resultados em menos de um ano. Consideramos este próximo passo essencial para o movimento desdobrar todo o seu potencial no futuro.

Você pode verificar o resumo do relatório
Perdido no relatório?
Volte para