Wikipédia 15/Site/Histórias/Kitamura Sae

From Meta, a Wikimedia project coordination wiki
Jump to navigation Jump to search
This page is a translated version of the page Wikipedia 15/Site/Stories/Kitamura Sae and the translation is 91% complete.
Other languages:
English • ‎dansk • ‎español • ‎português do Brasil • ‎हिन्दी

Kitamura Sae

Born in Japan
Joined Wikipedia in 2010
Favorite article is 激おこぷんぷん丸.

Na sala de aula da Professora Kitamura Sae, em Tóquio, a Wikipédia não é só lida como escrita. Como parte de seus cursos universitários, os alunos de Sae fazem contribuições ocasionais à Wikipédia japonesa, complementando os 980 000 artigos (e subindo).

“Apenas queria tornar minhas […] aulas mais interessantes aos meus alunos”, diz.

Sae começou a editar a Wikipédia em 2010. Seu primeiro artigo foi criado em 2011 como parte de um projeto para encorajar pesquisadores a editarem a Wikipédia.

Editar a Wikipédia é como lutar a sós contra o mal num âmbito público.

“Este projeto me fez entender a importância de contribuir à sociedade como acadêmica/wikipedista”, explica.

Desde então, não parou mais.

Agora, como professora de inglês em Tóqui, Sae continua como uma wikipedista ativa e defensora do movimento do conhecimento livre e aberto. Recentemente, encontrou uma maneira de combinar estes interesses e capacitar seus alunos. Ela nomeou a maneira como “Projeto de Tradução da Wikipédia”.

Para comprometer-se com as habilidades de língua prática e pesquisa de seus alunos, Sae os desafiou a escolher um artigo interessante da Wikipédia inglesa e traduzi-lo ao japonês.

“Para melhorar as habilidades de informação dos alunos, também ensino como usar bancos de dados online e fontes de referência, assim como avaliar a credibilidade de tal informação”, complementa.

Os alunos de Sae contribuem com cerca de 40 novos artigos à Wikipédia japonesa por semestre. “Alguns alunos já cresceram o bastante para corrigir informações erradas ou incompletas, e me orgulho disto”, diz. “Editar a Wikipédia é como lutar a sós contra o mal no canto do âmbito público.”