Talk:Wikiversity/Vote/pt

From Meta, a Wikimedia project coordination wiki
Jump to navigation Jump to search

http://beta.wikiversity.org se encontra no ar :D 555 02:10, 25 August 2006 (UTC)


Bem, acho que seria interessante já começarmos a discutir definir mais profundamente como vai ser este novo projeto. Proponho que usemos esta página para tomarmos as decisões.

Os prerequisitos para a votação devem ser uma opinão favoravel ao projeto na votação do projeto e satifazer os prerequisitos para a votação no wikiprojeto com maior participação.

Coloquem suas propostas abaixo

Com a votação encerrada, seria interessante que os falantes de língua portuguesa que se opuseram façam algumas ponderações, também.--555 16:04, 3 November 2005 (UTC)

Você é favorável ao uso da "/"?[edit]

proposto originalmente em [1]

Sim:

  1. Severino666 15:53, 13 October 2005 (UTC)
  2. --555 20:40, 13 October 2005 (UTC)
  3. --Marcos Antônio Nunes de Moura 00:13, 14 October 2005 (UTC)
  4. -- Sou-Chan 15:10, 5 November 2005 (UTC)
  5. Luis Sergio Moura 16:18, 28 December 2005 (UTC)
  6. --Redrag 00:22, 24 August 2006 (UTC)

Não:


Você é favorável aos currículos mínimos?[edit]

A proposta é:"

Estipular uma certa adequação ao modelo curricular proposto pelo MEC (Brasil), assim como os modelos para outros países, como Portugal, segundo a recomendação do orgão responsável localmente, estabelecendo um "currículo mínimo" para cada curso, isso me parece pertinente para que o modelo da wikiversidade seja implementado com uma certa sintonia com a realidade didática dos paises. O modelo curricular mínimo seria, então, um conjunção de modelos dos países de lingua portuguesa, o qual seria formado com os currículos mínimos exigidos por estes órgão e depois poderia ser expandido.

Sim:

  1. --Marcos Antônio Nunes de Moura 16:14, 14 October 2005 (UTC)
  2. Severino666 17:30, 14 October 2005 (UTC)
  3. --555 01:38, 16 October 2005 (UTC)
  4. -- Sou-Chan 15:10, 5 November 2005 (UTC)
  5. Luis Sergio Moura 16:18, 28 December 2005 (UTC)
  6. --Redrag 02:01, 25 August 2006 (UTC)
  7. --Lightningspirit 02:24, 25 August 2006 (UTC)

Não:

Comentários:

  • Estive a analizar muito bem a questão e cheguei a uma conclusão, não podemos esquecer que Portugal aderiu ao pacto de Bolonha, ou seja, neste momento nós temos uma exigência nos currículos que julgo maior que no Brasil, além de que esses mesmos currículos são mais "atraentes" para a comunidade educacional internacional... digamos que devemos ver bem Bolonha, e talvez até seguir mais estes parâmetros. Outra coisa, há cursos em que teremos que dividir determinados módulos, por exemplo História, terá que ser dividido para História de Portugal, para utilizadores portugueses, e história do Brasil, para usuários brasileiros..... ou não?!?!?!--Lightningspirit 02:25, 25 August 2006 (UTC)
  • Acredito que o pacto de Bolonha é na verdade um retrocesso. Ao análisar o mérito de longe pode parecer atraente, mas evidentemente os curriculos dos cursos foram penalisados afim de tornar a graduação mais rápida jorrando mão-de-obra especializada no mercado. Acho dificil um curso reduzir a carga horária (que na minha opinião já não é suficiente), sem perder a qualidade do ensino. Já quanto ao que o nosso colega citou acima, quanto a divisão dos módulos, proponho que na realidade os cursos da Wikiversidade sejam mais amplos do que são; indo mais além, ou seja, um estudante de história teria não só a história do Brasil ou de Portugal, mas as duas. O que destacaria o curso, em relação as outras universidades. --Redrag 12:38, 26 August 2006 (UTC)

A licença do material utilizado deve ser?[edit]

GFDL:

  1. Severino666 17:30, 14 October 2005 (UTC)
  2. --555 01:38, 16 October 2005 (UTC). Talvez seis meses seja pouco. Falo isso já que, por exemplo, a wikinotícias tem só o Carlos e um anônimo tomando conta de tudo. Wikilivros, durante alguns meses eu que praticamente me virava e, pelo que notei, agora ocorre algo semelhante com o Marcos Antônio.
  3. --Marcos Antônio Nunes de Moura 00:09, 21 October 2005 (UTC) Também temo que esse período seja insuficiente...
  4. -- GFDL. Quanto ao periodo, considero-me demasiado inexperiente na area das Wikis para me poder pronunciar. Sou-Chan 15:10, 5 November 2005 (UTC)
  5. Luis Sergio Moura 16:18, 28 December 2005 (UTC)
  6. --Lightningspirit 02:07, 25 August 2006 (UTC)

Fair use:

Esta licença será colocada em votação novamente em:[edit]

3 meses:

6 meses:

  1. Severino666 01:17, 24 October 2005 (UTC)

1 ano:

2 anos:

  1. Luis Sergio Moura 16:18, 28 December 2005 (UTC)
  2. --Lightningspirit 02:07, 25 August 2006 (UTC)

Hehe[edit]

Com três (e provavelmente um quarto usuário chegando) preocupados com a organização, poderíamos aproveitar e pedir para que o idioma em português fosse acelerado no cronograma. O que acham?--555 01:46, 16 October 2005 (UTC)

Um árduo programa de estruturação será exigido, embora esteja ancioso, acho melhor aproveitar a indefinição para ir dando os primeiros passos nesse sentido... Alguém sabe qual seriam os primeiros cursos a serem colocados em pauta para o início do projeto? --Marcos Antônio Nunes de Moura 00:14, 21 October 2005 (UTC)

Acho que os primeiros cursos a serem criados deveriam ser mais amplos, para permitir que o número de editores possa aumentar mais facilmente. Sugiro Português, Matemática, Física, Filosofia, Biologia e História para começar, o que acham? Severino666 01:19, 24 October 2005 (UTC)

Currículos Mínimos - Brasil[edit]

Encontrei as especificações de currículos mínimos para os cursos de graduação brasileiros. Todas as informações está em arquivos .pdf neste link. Por favor, se alguém souber como encontrar essas informações referentes aos outros países falantes da língua portuguesa, poste o link por aqui.--555 19:59, 16 October 2005 (UTC)

Numa primeira análise, como a maioria já deve saber, há um núcleo básico para cada área e um núcleo específico para cada curso... Nesse sentido precisamos ter uma previsão dessa estrutura nos outros países. --Marcos Antônio Nunes de Moura 00:19, 21 October 2005 (UTC)
Acabei de analisar o documento supra-citado, e penso que o modelo que o Governo Brasileiro adoptou não deverá ser muito diferente do modelo adoptado pelos países da União Europeia, apresentando provavelmente apenas pequenas variações. Isto advém da necessidade de 'globalizar' as formações ministradas, de forma a que um estudante de Sociologia brasileiro, por exemplo, possua uma formação idêntica à dum estudante de Sociologia português. Claro que a excepção se encontra nos casos específicos de cada país (O curso de História em Portugal apresenta disciplinas que abordam abrangentemente a História de Portugal, o que acontece também no Brasil), e será aí que terá de se encontrar uma solução, visto que tanto wiki-alunos como wiki-docentes são oriundos de diversos países falantes da Língua Portuguesa. Sou-Chan 18:41, 5 November 2005 (UTC)

Refutação[edit]

Como os demais colegas poderão ver acima, eu sou atualmente o único contra a especificação de curriculos minimos do MEC. Pois bem, aqui explicarei minha proposta para discuti-la com os colegas. Bem, acredito que o maior problema da educação brasileira (e outros) esteja relacionada justamente a incapacidade de observar a estrutura organizacional dos outros paises adaptanto o que há de melhor no mundo e aplicando aqui. A Wikiversidade enquanto projeto multinacional de lingua portuguesa deve contribuir sendo exemplo de o quanto a integração dos fatores positivos nas culturas globais pode ser utilizado em favor do desenvolvimento cientifico brasileiro. A simples acatação de curriculos minimos do MEC é, em verdade, uma involução nos principios da Wikipédia, e de todos os projetos da rede Wiki; uma vez que, primeiramente, limita a exclusão de disciplinas que o MEC (enquanto instituição pública) inclui no programa das universidades federais (e outras) para "encher linguiça" e cumprir a semestralidade. Algumas matérias devem ser suprimidas, o que desacataria as determinações do MEC. Segundo, a simples adoção das medidas brasileira para um projeto que logo irá abranger vários paises é uma sincera falta de consideração com nossos irmãos de lingua portuguesa. Claro que eu entendo a posição do nosso colega ao propor a adequação ao modelo do MEC, nem tiro o seu mérito, foi de grande valia abrirmos essa discussão, e acredito que possuir uma fonte de referência pode ser válida. Por isso proponho que a Wikiversidade tenha, pois, seu próprio programa de diretrizes curriculares básicas. Feitos por nós mesmos, reunindo o que há de positivo em todos os programas das universidades públicas e privadas do Brasil e do mundo, tanto nos paises desenvolvios quanto nos paises em desenvolvimento. Sem os olhos do preconceito cultural. Quem sabe até, possamos propor um modelo de diretrizes que valha e seja adequado à todas as Wikiversidades, em todas as linguas. Desde, claro, que o programa de diretrizes curriculares não seja - como é o do MEC - estático, ou seja, que possa ser sempre alterado, com consentimento e discussão de toda a comunidade acadêmica; de forma democrática, liberal e progressista - como é toda a rede wiki. Vamos discutir bem essa idéia, aproveitanto o momento de maturação da Wikiversidade. Obrigado a todos os colegas pela atenção. Atenciosamente,

Redrag 00:36, 24 August 2006 (UTC)

Caro colega, acredito que, pelo fato de não ter acompanhado a discussão desde o início, não tenha total ciência da proposta que está "refutando", no que se refere a palavra mínimo da proposta, o sentido à qual foi imputado não é o de estabelecer um currículo mínimo e apenas este... A discussão foi aberta quando coloquei a proposta de estabelecer uma série de parâmetros para que o nosso modelo de wikiversidade não estivesse abaixo do exigido pelos países de língua portuguesa, neste momento recomendamos que no mínimo os currículos exigidos pelos órgãos regulamentadores locais fossem usados como base para nossa estrutura curricular inicial, obviamente o projeto é um wiki, o que pressupõe uma natureza evolutiva, que nos dá a certeza que teremos um modelo muito mais rico que o mínimo no futuro, além disso, esperamos que os modelos de Portugal e outros países lusofonos sejam incluídos, também desejamos que modelos de outros países sejam adotados, embora que tenhamos que adaptar alguns de seus aspectos à nossa cultura em geral. --Marcos Antônio Nunes de Moura 00:16, 25 August 2006 (UTC)
Resposta I - bem, realmente, não pude acompanhar a discussão desde o inicio. O meu temor era realmente que o curriculo do MEC fosse imposto para todos os cursos, o que nos impediria de retirar matérias de significado inferior. Tais matérias podem contar, entretanto, como optativas. Assim, aqueles que desejarem faze-las para adequarem seus respectivos curriculos às exigencias internacionais, teriam tal liberdade. Não obstante, aqueles que não tiverem o interesse também podem optar por não faze-las, e assim damos mais liberdade e democrácia, sem impor os modelos educacionais que tornam massante o desenvolvimento acadêmico nos grandes centros educacionais.
A minha sugestão, é ainda, que as diretrizes curriculares sejam adotadas como parâmetro de referência, porém, não sendo adotadas como platafor-ma base na formação dos curriculos dos cursos.
Redrag 01:16, 25 August 2006 (UTC)
Como todo o modelo wiki sugere, as sugestões que está propondo ao modelo, podem ser facilmente adotadas por votação, veja bem, quando achamos que alguma estrutura da base não é necessária, podemos votar pela remoção da mesma, não há imposição nenhuma! Apenas devemos estabelecer um início para o que queremos fazer, porém, se não estabelecermos tal parâmetro, certamente, pessoas que querem apenas aparecer colocarão um nome num curso e depois colocarão alguma sub-estrutura pobre e chamarão de "curso"... Obviamente o modelo que já está pronto pelos órgãos regulamentadores é melhor que nada! As discussões a respeito da estrutura serão longas e devemos adotar um modelo inicial, volto a dizer: ->Resultante da conjunção de modelos dos países lusofonos. --Marcos Antônio Nunes de Moura 01:35, 25 August 2006 (UTC)
"Resposta II" - Bem, nesse caso, concordo integralmente. Estarei mudando o meu voto na votação acima. Mas aproveito - pela ultima vez - que a adoção por completo das diretrizes curriculares do MEC - não devem ser adotadas por completo. Mas havendo, pois, a possibilidade de retirada de uma das matérias dos "curriculos-bases" fica o meu sincero apoio a medida; até mesmo porque, admito que a utilização do poder de criação dos cursos ira denegrir a espécie de liberdade intelectual que os projetos wiki, e em especial a Wikiversidade, propõe. E de outra forma acabariamos ainda denegridos diante dos projetos irmãos como a Wikiversity (inglesa).

Obrigado pela atenção, mais uma vez.
Redrag

Proposta[edit]

Queria desenvolver mais, mas, ando com pouco tempo. Deem uma olhada em wikibooks:pt:Wikiversidade/Proposta. Minha idéia é estruturarmos o projeto de um tal modo que passemos da mera coleção de tópicos que se encontra atualmente, com dicas de locais onde os wikiversitários possam procurar inspiração. Vejam os dois links que já se encontram em azul. --555 15:55, 3 November 2005 (UTC)