Jump to content

Requests for new languages/Wikisource Old Tupi

From Meta, a Wikimedia project coordination wiki
submitted verification final decision
Discuss the creation of this language project on this page. Votes will be ignored when judging the proposal. Please provide arguments or reasons and be prepared to defend them (see the Language proposal policy).

The language committee needs to verify the language is eligible to be approved.

  • Check that the project does not already exist (see list).
  • Obtain an ISO 639 code
  • Ensure the requested language is sufficiently unique that it could not exist on a more general wiki.
  • Ensure that there are a sufficient number of native editors of that language to merit an edition in that language.
  • The community needs to develop an active test project; it must remain active until approval (automated statistics). It is generally considered active if the analysis lists at least three active, not-grayed-out editors listed in the sections for the previous few months.
  • The community needs to complete required MediaWiki interface translations in that language (about localization, translatewiki, check completion).
  • The community needs to discuss and complete the settings table below:
What Value Example / Explanation
Proposal
Language code tpn (SILGlottolog) A valid ISO 639-1 or 639-3 language code, like "fr", "de", "nso", ...
Language name Old Tupi Language name in English
Language name Abá nhe'enga Language name in your language. This will appear in the language list on Special:Preferences, in the interwiki sidebar on other wikis, ...
Language Wikidata item Q56944 - item has currently the following values:
Item about the language at Wikidata. It would normally include the Wikimedia language code, name of the language, etc. Please complete at Wikidata if needed.
Directionality LTR Is the language written from left to right (LTR) or from right to left (RTL)?
Links Links to previous requests, or references to external websites or documents.

Settings
Project name Gûikinhãîa "Wikisource" in your language
Project namespace Gûikinhãîa usually the same as the project name
Project talk namespace Gûikinhãîa nhe'ẽpoepykaba "Wikisource talk" (the discussion namespace of the project namespace)
Enable uploads no Default is "no". Preferably, files should be uploaded to Commons.
If you want, you can enable local file uploading, either by any user ("yes") or by administrators only ("admin").
Notes: (1) This setting can be changed afterwards. The setting can only be "yes" or "admin" at approval if the test creates an Exemption Doctrine Policy (EDP) first. (2) Files on Commons can be used on all Wikis. (3) Uploading fair-use images is not allowed on Commons (more info). (4) Localisation to your language may be insufficient on Commons.
Optional settings
Project logo File:Wikisource-logo-fr-tpw.svg This needs to be an SVG image (instructions for logo creation).
Default project timezone America/Sao_Paulo "Continent/City", e.g. "Europe/Brussels" or "America/Mexico City" (see list of valid timezones)
Additional namespaces "Page" > Kûatiaroba, "Author" > Kûatiarara For example, a Wikisource would need "Page", "Page talk", "Index", "Index talk", "Author", "Author talk".
Additional settings Anything else that should be set
submit Phabricator task. It will include everything automatically, except additional namespaces/settings. After creating the task, add a link to the comment.

Proposal[edit]

Old Tupi is an important historical and cultural language in Brazil. It was the first language Portuguese navigators had contact with and the most spoken language in Brazil until 1758 when the Marquis of Pombal, Sebastião José de Carvalho e Melo, forbade the use of the language. Today, Tupi is present in toponymy. But despite that, many people don't see the relevance that Tupi brought to Brazilian culture. That's why I make this request to add Old Tupi, to promote and give people more interest. It is possible to write articles in Old Tupi. This language has a huge database, so full articles can be written in it. Also, this language was quite common in Brazil and has a very important cultural significance for South America; so I believe Tupi deserves a chance. --NoKiAthami (talk) 12:53, 17 October 2022 (UTC)[reply]

Discussion[edit]

@NoKiAthami: hello! With the publishing of this translation (only Tupi text) I was wondering if it was possible to create a Wikisource in a Tupi language. There's indeed a huge database to justify an specific project in this language? I was wondering the possibility of, if none of these languages having a big enough database, if we could develop a Wikisource for a language family (example: "Tupi-Guarani Wikisource"). I don't think that it happened in the past, but could be possible to test it in wikisource.org.

About "This language has a huge database, so full articles can be written in it.": you're talking about translations into Old-Tupi? Wikisource works more with translations of other works and with original sources, while articles are a thing for Wikipedia - and there's already a request to delete the Old Tupi Wikipedia. I hope that a Tupi language Wikisources sees the light of day! Erick Soares3 (talk) 17:05, 21 October 2022 (UTC)[reply]

@Erick Soares3 More than these, there's an ISO 639-3 change request 2022-012, it's proposed to merge Tupí [tpw] to Tupinambá [tpn], if this request is successful, then tpw will be undoubtedly invalid. Liuxinyu970226 (talk) 02:21, 22 October 2022 (UTC)[reply]
But it would be necessary to do a new request if they change? For now I only want to test the feasibility of a "Tupian Wikisource" and I have noticed that the OCR may have trouble on transcribing old/low quality documents (one in Nheengatu, the "Modern Tupi"). Erick Soares3 (talk) 09:16, 22 October 2022 (UTC)[reply]
@Liuxinyu970226: in the discussion below I raised the question of bilingual texts: when creating a new project is best to only focus in the target languages (ignoring all the translations) or is better to use everything? Since basically all the public domain texts in this language are bilingual, I fear that it may be a road block when attempting to test the project feasibility. Erick Soares3 (talk) 09:28, 23 October 2022 (UTC)[reply]

NoKiAthami, bom dia! Fico feliz em ver outras pessoas interessadas não apenas em estudar a língua tupi antiga, mas também em divulgá-la, mostrando a todos a beleza do “grego da terra”. Entretanto, gostaria de fazer algumas ressalvas a sua proposta, se me permite. Se me permite também, gostaria de escrever em português, como vê, por pura questão de familiaridade com minha língua materna. Em primeiro lugar, em 1758, já não mais existia o tupi antigo propriamente dito — o que havia eram as línguas gerais, parecidas, é claro, com o tupi antigo, mas já apresentando fortíssimas influências do português. Eduardo de Almeida Navarro, a título de exemplificação, adota a virada do século XVII para o século XVIII como período dessa transição, para fins práticos por ocasião da elaboração de seu dicionário. Exemplo que melhor ilustra isso é o Compêndio da doutrina cristã, de João Filipe Bettendorff, que em uma situação traduz, já no ano de 1678, “mãe” como manha, não como sy. Também há outras construções que demonstram essa evolução natural da língua… Creio que seja necessário delimitar razoavelmente bem tal intervalo para não correr o risco de misturar idiomas, por mais parecidos que sejam.

Quanto ao nome nativo da língua, Navarro é categórico, no início de seu Método moderno, ao afirmar que os documentos da época “não no-lo informam”. Isto é, não se sabe por qual nome os indígenas se referiam ao que hoje se conhece por “tupi”, “tupi antigo” ou “tupinambá” (a “língua brasílica” de então). As informações no Wikidata estavam, assim, erradas, e eu as retirei. Abanhe’eng, mesmo tratando-se de neologismo, não é palavra tupi — ou ao menos não é substantivo tupi, que sempre terminavam ou em vogal tônica ou no sufixo nominalizador -a. O neologismo deveria ser, então, abanhe’enga. Nesse caso, faço um comentário: prefiro o termo abá nhe’enga, separado, porque abanhe’enga transmite (por mais que a pronúncia seja idêntica) uma ideia genérica de “língua de homem”, que poderia nesse sentido referir-se a virtualmente qualquer língua humana. Façamos um exercícios: como traduziríamos “língua francesa” — maíra nhe’enga ou mainhe’enga?! Aplique-se-lhe a mesma lógica a abá nhe’enga.

Agradeço-lhe muitíssimo por sua disposição em criar este pedido, e saiba que estarei muito disposto a contribuir com o projeto quando, se (eu espero), ele for aprovado. Saudações! RodRabelo7 (talk) 02:54, 22 October 2022 (UTC)[reply]

@RodRabelo7: retornando nas questões que levantei no Wikisourcea em Português, o quanto de material existiria nos idiomas Tupi (seja o Tupi Antigo, Nheengatu, etc)? É que antes de qualquer aprovação formal, precisamos provar que um projeto assim é possível (no wikisource.org) tanto pela quantidade de materiais, quanto de usuários - principalmente usuários que conheçam o idioma e possam transcrever tudo corretamente (algo que não sei, mas quero ver um projeto do tipo sendo realizado).
For the English speaking community, the RodRabelo7 comment. Erick Soares3 (talk) 09:24, 22 October 2022 (UTC)[reply]
Ignorando-se o guarani, acho que há bastante material, de fato, para o nheengatu e o tupi antigo — e verdadeiros clássicos, como “O selvagem”, o dicionário de Stradelli ou o “Catecismo na língua brasílica”. Quanto a outros idiomas com menor expressivadade dentro da família, não tenho conhecimento para fazer afirmações. RodRabelo7 (talk) 12:07, 22 October 2022 (UTC)[reply]
@RodRabelo7: existem textos em domínio público puramente nestes idiomas ou a maioria é bilíngue (dicionários e etc)? Minha preocupação seria se acabássemos construindo o projeto com parte do material em Português - mas que, no fim, poderia inspirar traduções modernas. Você teria algum contato com a Academia da Língua Nheengatu? Descobri hoje sobre eles e acredito que poderiam colaborar com esse projeto (seja com o Wikisource ou na construção da Wiki em Nheengatu).
Já que você tem acesso a materiais, já seria possível começar a enviá-los para o Commons e colocá-los no Wikisource Multilingual (respeitando sempre o domínio público no Brasil e nos EUA). O nome final seria abá nhe’enga ou tupinamba? É que a depender, precisaremos mudar o nome dessa categoria.
Quanto a questão dos demais idiomas, minha ideia seria que o projeto fosse expansivo, abarcando até fontes de idiomas em risco de extinção ou já extintos. Erick Soares3 (talk) 14:54, 22 October 2022 (UTC)[reply]
Quanto a possibilidade de uma Wikipédia em Tupi Antigo (que pelas normais atuais, é algo impossível de ser aceito), a única esperança seria o Fandom (Wiki em Klingon, por exemplo). Seria o melhor local para experimentar algo, mas sou cético quanto a atração de outros editores. Erick Soares3 (talk) 15:07, 22 October 2022 (UTC)[reply]
O Catecismo de Araújo é praticamente todo em tupi, e tem duas edições, com diferenças a serem consideradas. Este documento também o é. Ao Compêndio de Bettendorff, embora bilingue, pode-se ignorar a parte em português se necessário. Existem outros textos em tupi, vide as orações registradas por Thevet, mas são poucos os outros que sei estarem disponíveis na internet. Quanto ao nheengatu, existem as Lendas de Amorim e a Poranduba amazonense de Rodrigues, no mínimo. Não tenho contato algum com a Academia de Língua Nheengatu, mas creio que um contato possa ser produtivo, deixando-lhes claro de início que a sobrevida deste projeto pode implicar o surgimento de uma Wikipédia em nheengatu. RodRabelo7 (talk) 15:08, 22 October 2022 (UTC)[reply]
@RodRabelo7: então acredito que seja o caso de começar a enviar o material existente na Internet para o Commons com o objetivo de começar a estruturar o projeto (que pode inspirar a digitalização de outros documentos). Cheguei a enviar as Lendas de Amorin, mas o próprio programa do Wikisource tem dificuldade em reconhecer as letras devido a qualidade. Vou pesquisar como o Wikisource trata obras bilíngues no começo de outros projetos, pois de início pode ser válido tê-las completas - posteriormente inspiraria outras traduções. E como uma nota: qual seria o idioma da estrutura do projeto (página inicial e etc)? Tupi Antigo (da mesma forma que o Wikisource em Latim é em Latim) ou outro? Erick Soares3 (talk) 09:19, 23 October 2022 (UTC)[reply]
Quanto a Academia, ontem cheguei a enviar um email para eles e espero ter uma resposta nos próximos dias (ou que eles já respondam aqui). Esse projeto e a Wikipédia em Nheengatu só terão alguma chance real se a população da região se interessar. Erick Soares3 (talk) 09:34, 23 October 2022 (UTC)[reply]
@RodRabelo7: Já levei alguns indexes para o Wikisource Multilingue. A medida que for realizando novos envios para o Commons, vai adicionando por lá? É somente Index:Nome do arquivo.pdf, mais as informações necessárias. Erick Soares3 (talk) 12:18, 23 October 2022 (UTC)[reply]
@RodRabelo7: estou lendo sobre estes projetos sobre a revitalização do Tupi Antigo e definitivamente estive errado ao afirmar que a Wiki no Fandom não teria editores: poderá ser uma ótima ferramenta escolar nessas regiões, além de atrair curiosidade do publico. Eu só me pergunto se o idioma poderia lidar com temas contemporâneos (como exploração espacial) sem importar termos do Português ou Inglês. Erick Soares3 (talk) 13:49, 23 October 2022 (UTC)[reply]
Eu estou com um projeto de criar uma Wiki para o Antigo Tupi no Fandom. Mas precisará de mais gente que saiba falar antigo tupi pra isso. NoKiAthami (talk) 20:45, 23 October 2022 (UTC)[reply]
Eu me pergunto se essas iniciativas de revitalização - como descritas aqui - poderiam apoiar o projeto. Erick Soares3 (talk) 21:00, 23 October 2022 (UTC)[reply]
RodRabelo7 Bom dia! Fico realmente surpreso e feliz também, não só pelo tanto de comentário que apareceu durante minha ausência, mas que há outros também que parecem se interressar. Vim esclarecer alguns pontos. Obrigado por me informar sobre o nome da língua. Porque eu percebi agora do meu erro. Eu quis escrever Abanhe'enga de base, mas acabei escrevendo errado. Mas como você acaba de apontar, o nome Abanhe'enga continua sendo um neologismo e não o nome atestado do Tupi antigo (o que me faz pensar: não bastava só perguntar aos tupis como eles chamavam o idioma? mas brincadeiras a parte). Eu tentei procurei pelo nome do idioma e vi que o termo que geralmente se usa em Tupi para designar o próprio idioma é Abanhe'enga (o que para mim, me parecia bem coerente, principalmente se compararmos com o guarani que usa o termo Avañe'ẽ, mesmo que sejam idiomas diferentes. E também não sei se Avañe'ẽ é um neologismo também). Corrigirei o erro de Abanhe'eng para Abá Nhe'enga. NoKiAthami (talk) 21:02, 23 October 2022 (UTC)[reply]
Com isso eu fiz o movimento da categoria no Wikisource Multilingue (estatisticas). Peço que também ajudem por lá, pois o desafio inicial é a reunião de material e transcrição até um bom número de textos/usuários. Erick Soares3 (talk) 21:51, 23 October 2022 (UTC)[reply]
@RodRabelo7 and NoKiAthami: conversei com um usuário no Wikisource Multilingue e ele me disse que tudo bem usar a versão completa dos textos bilingues (não é obrigatório, mas aquela plataforma é o melhor lugar para textos do tipo). Agora é a questão de encontrar outras transcrições iniciadas no Wikisource em Português e movê-las para o novo projeto. Erick Soares3 (talk) 09:37, 24 October 2022 (UTC)[reply]