Não seja um idiota

From Meta, a Wikimedia project coordination wiki
Jump to: navigation, search

català (ca) · Deutsch (de) · English (en) · español (es) · فارسی (fa) · français (fr) · italiano (it) · 日本語 (ja) · polski (pl) · português (pt) · русский (ru) · suomi (fi) · norsk (no) · lietuvių (lt) · +/-

Crystal wordprocessing.png This is an essay. It expresses the opinions and ideas of some Wikimedians but may not have wide support. This is not policy on Meta, but it may be a policy or guideline on other Wikimedia projects. Feel free to update this page as needed, or use the discussion page to propose major changes.
A presença desta página não autoriza a referir-se a qualquer outro editor como “um idiota”.

Não seja um idiota.[1] Se as pessoas se orientassem por aqui, não precisaríamos de quaisquer outras políticas sobre comportamento. Este é um corolário de ignorar todas as regras, e a maioria das outras regras são casos especiais deste aqui.

Fundamentos[edit]

"Não seja um idiota" é a regra fundamental para todos os espaços sociais. Todas as outras políticas sobre isso são casos especiais desta regra. Embora ninguém na WP tenha poderes para banir ou bloquear alguém por ser um idiota (uma vez que este seria um exemplo de ser um idiota), ainda é uma má idéia ser um. Então, não o seja.

Não foi fornecida nenhuma definição de o que é ser um idiota. Isso é deliberado. Se um número razoável de pessoas sugerirem, sem rodeios ou educadamente, que você está sendo um idiota, as chances são boas que você não está inteiramente certo.

Estando certo sobre o assunto não significa que você não esteja sendo um idiota! Idiotas podem estar certos — mas continuam sendo idiotas; se há algo no que dizem que valha a pena ser ouvido, isso passará despercebido, porque ninguém gosta de ouvir idiotas. Não importa o quanto estejam certos.

Enfrentando ser rotulado como um idiota[edit]

Se você foi rotulado como um idiota, especialmente se você tiver ouvido isso de várias pessoas de uma determinada comunidade, é aconselhável considerar a possibilidade de que seja verdade. Se você suspeitar que esteja sendo um idiota, o primeiro passo é tomar consciência disso. Pergunte a si mesmo que comportamento pode estar causando essa percepção, tente mudar seu modo de apresentação, e se você não puder corrigi-lo, peça educadamente àqueles que o criticam, que expliquem melhor. Em particular, identifique as palavras mais duras em suas comunicações e substitua-os por mais suaves.

Examine honestamente suas motivações. Você está aqui para contribuir e fazer um bom projeto? Ou a sua meta realmente é encontrar falhas, obter todas as opiniões, ou ter o controle? Talvez secretamente você sinta por dentro a emoção desta pequena batalha. Isso pode não tornar-lhe uma má pessoa, mas para todas as pessoas que estão tentando ativamente construir algo grande, você se torna um impedimento. Pessoas ficam frustradas, alimentam rancores, a atmosfera muda e todo o projeto sofre. Você está aqui para dar, ou para tirar?

Se achar necessário, peça desculpas publicamente para alguém por você ter sido um idiota. Isso é bom; isso não irá lhe fazer parecer um fraco. Pelo contrário, as pessoas irão ver a sua vontade de cooperar e quase sempre irão encarar seus esforços com grande respeito.

Chamando alguém de idiota[edit]

Alguém dizendo "Não seja um idiota" é uma atitude de idiotice em si, então não distribua críticas indiscriminadamente. Chamar alguém de idiota, pode ser considerado como um envenenamento da represa (uma falácia lógica que é um caso especial de um ataque ad hominem).

Ver também[edit]

Ligações externas[edit]

Notas[edit]

  1. O termo "idiota" neste ensaio é geralmente definido como "uma pessoa cáustica e temerária" de ambos os gêneros (sexos).
Áudio
Este ensaio também está disponível
em áudio (inglês)